Seu lugar no mapa

O Charles Pilger colocou umas ferramentazinhas divertidas para o Google Maps no ar:

  1. Entre com sua latitude e longitude e ele abre a localização no Google Maps.
  2. Entre com a latitude e longitude e ele abre no Google Maps onde você sairia se cavasse um buraco no chão até sair do outro lado. O buraco calculado sai no mesmo hemisfério onde você está (porque as longitudes não são radiais como as latitudes). Meu túnel, portanto, sairia na Austrália e não no Japão. Mas ele fornece o código fonte para quem quiser alterar o algoritmo do túnel.
  3. E finalmente, se você tem um link para o Google Maps mas não sabe a latitude/longitude dali é só informar o link e receber de volta as coordenadas geográficas.

Isso tudo bolado dias antes de o Google disponibilizar a API do Maps para que os escovadores de bits possam colocar mapas em seus próprios sites. A primeira utilização interessante que achei foi um site que mostra no mapa dos EUA onde morava cada americano morto no Iraque.

Coincidência ou não, dias depois apareceu por aí a API do Yahoo!Maps. Não sei dizer se o documento foi criado antes ou depois do lançamento da API do Google.

Ainda no mundo GoogleMapológico, esse site traz pontos turísticos vistos do espaço via a função de imagens de satélite do serviço. Outros links de lugares interessantes vistos de cima para baixo aqui e aqui.

8 thoughts on “Seu lugar no mapa”

  1. Eu tenho me divertido muito com os mapas sensacionais. Fico sobrevoando as cidades e curtindo os pontos turísticos.

    Fiquei ainda mais impressionado com o earth.google.com. É um brinquedo que faz você realmente visualizar o futuro próximo.

    Tenho que blogar sobre isso…

  2. Parece que o Google tirou do ar a versão beta do Google Earth. Eu botei no eMule, (GoogleEarth.exe) pra quem quiser. Só posso dizer que estou completamente viciado nele e no NASA World Wind. Minha diversão agora é mapear todas as bases aéreAs japonêsas e aliadas da Segunda Guerra no Pacífico, com um tour por todas elas, incluindo uma parada no local da derrubada (criminosa) da Betty do almirante Yamamoto.

  3. Imprecionante,e divertido,Moro a 10 anos no Japao e pela primeira vez consegui achar minha casa no Brasil,atravez de um satelite,Que Saudades,valeu…

Comments are closed.